Assembleia na Associação Comercial discute calendários de 2020

HORÁRIO NO COMÉRCIO

Está marcado para o dia 21 de Novembro, quarta-feira, as 8h30, a assembleia geral extraordinária entre os associados que fazem parte da Associação Comercial e Industrial de Marília, para a definição do calendário de abertura especial das lojas da cidade para todo os 12 meses de 2020, como acontece desde 1996. “Esta definição com antecedência beneficia a todos, principalmente o consumidor que é o que nos interessa”, disse o presidente da associação comercial mariliense, Adriano Luiz Martins, que espera um bom número de participantes em virtude de que este ano, a Lei de Liberdade Econômica, sancionada pelo Governo Federal, muda alguns aspectos que necessitarão de uma explicação mais detalhada por parte dos advogados do Departamento Jurídico da associação comercial. “Mas ainda há a necessidade de combinarmos, para que seja melhor para todos”, disse o dirigente.

A Lei da Liberdade Econômica proporciona uma certa liberdade para o lojista abrir a loja quando quiser, no entanto, para que isso seja possível, uma série de compromissos trabalhistas, tributários e de marketing, é necessária pra que as vendas aconteçam, e sejam vantajosas para o comerciante. “É preciso respeitar o dissídio coletivo de trabalho, bem como as obrigações legais, que em alguns casos é desvantajosa a abertura da loja”, disse o presidente da Associação Comercial e Industrial de Marília, que vem conversando com o Prefeito Municipal, Daniel Alonso, e com o presidente da Câmara Municipal de Marília, Marcos Rezende, no sentido de regulamentar os detalhes da Lei da Liberdade Econômica, que disponibiliza esta condição aos municípios. “Todos os direitos de empregadores e empregados serão respeitados”, garante Adriano Luiz Martins que vem conversando sistematicamente com profissionais na área do Direito e líderes de segmento empresarial, sobre este assunto. “O Código de Posturas do Município terá que se adequar a nova Lei Federal”, afirmou o presidente da associação comercial mariliense.

Neste dia 21 os comerciantes decidirão, através do voto, quais os dias e os horários de funcionamento das lojas do comércio de Marília. Decidirão, também, sobre as campanhas promocionais que serão realizadas mês a mês. “Serão dois calendários a serem definidos”, disse o superintendente da entidade, José Augusto Gomes. “Vamos decidir o dia e horário de atendimento especial no comércio em geral, e decidiremos, também, o calendário promocional de toda a temporada 2020”, ressaltou o dirigente que conduzirá o processo de votação dos itens necessários. “Será sempre por maioria absoluta, ou seja, a maioria vence”, ressaltou ao lembrar que cada lojista terá direito a um voto correspondente a empresa associada, e somente o proprietário é quem pode participar. “Infelizmente não é possível participar da assembleia com procuração”, lembrou José Augusto Gomes.

O encontro promete ser dos mais importantes, afinal, é nesta assembleia que se decide a abertura nos feriados, no período da noite e também nos finais de semana. É nesta assembleia que os comerciantes analisam os feriados nacional, estadual e municipal, e as datas comemorativas. Decidem, também, qual será o tema promocional de cada mês do ano. “Daí a importância de termos o maior número possível de comerciantes associados, no sentido de ampliar o debate e que tenhamos mais ideias, sugestões e propostas para melhorar o desempenho do comércio varejista”, disse o presidente da associação comercial, Adriano Luiz Martins. “Vamos otimizar custos e tempo, para que todos do comércio se beneficiem com um trabalho coletivo e ordeiro”, defendeu o dirigente ao emitir a convocação para todos os associados da entidade.

LEGENDA – Adriano Luiz Martins, presidente da associação comercial, convoca associados para assembleia geral extraordinária

Compartilhe
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter
Instagram

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*