Executivo da Riachuelo concorrerá à Presidência pelo PRB

O PRB anunciou no final de abril,  o lançamento da pré-candidatura do empresário Flávio Rocha, recém filiado ao partido, à Presidência da República. O executivo da Riachuelo é ligado ao MBL e se filiou ao PRB para poder concorrer às eleições de outubro.

Reprodução da Internet

PRB anuncia pré-candidatura à Presidência

PRB anuncia pré-candidatura à Presidência
Durante ato na Câmara dos Deputados, o presidente nacional da legenda, Marcos Pereira, anunciou que a pré-candidatura é “pra valer”. “É para valer. É para ser vice? Não, é para ser candidato a presidente da República”, afirmou.

Flávio Rocha disse que a sua candidatura representará um contraponto a um “ciclo marcado por excessivo intervencionismo estatal”. “Eu acho que nos cabe preencher uma lacuna que existe na política brasileira. Temos a responsabilidade de recolocar o Brasil nos trilhos da prosperidade. E prosperidade é o resultado de liberdade econômica e liberdade política”, disse.

Ele encabeça um movimento chamado “Brasil 200”, que propõe uma agenda liberal para o país. Apontado como uma versão “light” do pré-candidato Jair Bolsonaro (PSL), que tem posições conservadoras, Flavio Rocha disse ver “pouquíssimas identificações” entre eles.

“Sou um liberal convicto, acredito na força do indivíduo, da livre iniciativa, sou um reformista, sou um ‘privativista’, acho que o Estado deve se circunscrever às suas tarefas essenciais e acho que isso aí nos diferencia frontalmente.”

A respeito da sua ligação com o MBL, Rocha disse que se aproximaram em defesa do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT). “São jovens de uma maturidade intelectual e de uma coerência que eu admiro e essa relação permanece até hoje”, disse.

Do Portal Vermelho, com agências

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*