Últimas

Imprensa europeia diz que discurso de Bolsonaro foi “inacreditável” e destaca panelaços

Compartilhe

O jornal francês Le Monde acusa Bolsonaro de “minimizar os riscos” da pandemia enquanto um terço da população mundial é colocada em confinamento
Reprodução

Jornais europeus que acompanharam o discurso de Jair Bolsonaro minimizando o coronavírus destacaram nesta quarta-feira (25) que presidente fez declarações “contraditórias” e “inacreditáveis”. Parte da imprensa também comentou sobre os panelaços contra o presidente brasileiro após o pronunciamento.

O jornal francês Le Monde, por exemplo, disse que Bolsonaro “minimiza os riscos relacionados à pandemia da Covid-19 ao criticar as medidas tomadas em diversas cidades e Estados do país, em um momento que um terço da população mundial é colocada em confinamento”.

britânico The Guardian destacou que Bolsonaro disse que, por seu passado como atleta, “nada sentiria” se fosse contaminado pelo vírus. A reportagem disse que declarações do presidente são “incendiárias” e que discurso gerou panelaços em diversas cidades do país.

Já o jornal espanhol El País acusou Bolsonaro de ser “o pior caso” entre os presidentes da América Latina a lidar com a pandemia. Para o jornal, o ex-capitão está mais preocupado com a briga política entre governadores do que com os riscos da pandemia.

Por Revista Fórum


Compartilhe

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*