Japão doa US$ 3,6 milhões para ONU atender venezuelanos no Brasil

 Por Agência Brasil  Brasília

No total, serão doados US$ 3,6 milhões para Agência da ONU para Refugiados (Acnur), Agência das Nações Unidas para Migrações (OIM), Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (Opas/OMS) e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

Conforme termo assinado em Brasília nesta quinta-feira (6) pelo embaixador do Japão no Brasil, Akira Yamada, e pelo coordenador residente das Nações Unidas no país, Niky Fabiancic, os recursos serão usados para “registro e documentação dos imigrantes, assistência nas comunidades de acolhida, apoio psicossocial, serviços de saúde e proteção de crianças em Roraima, Amazonas e Pará”.

De acordo com controle da Polícia Federal, em 28 meses (de janeiro de 2017 a abril de 2019), o Brasil recebeu cerca de 100 mil pedidos de refúgio de venezuelanos e 70 mil solicitações de residência temporária.

*Matéria alterada às 19h20 para correção de informação. Diferentemente do informado, a doação será de US$ 3,6 milhões e não bilhões.

Edição: Denise Griesinger

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*