Nosso colunista internacional, José Maleski, direto dos USA, nos fala da “pandemia de incompetência”

Compartilhe

Pandemia de incompetência.

por José Maleski

José Maleski

Já são 3 meses de  Pandemia do Corona vírus na sua mais recente versão a Covid19.

 O mundo vive uma situação atípica e desafiante. A ciência busca alternativas, remédios para o tratamento, estuda possibilidades de vacinas, campanhas são lançadas para conscientização da população. Aqui na terra do Tio Sam não é diferente,  a seguir, vou revelar alguns detalhes  e aspectos específicos de como os USA enfrentam essa onda virótica de violência descomunal e de trágicas consequências ,  farei uma exposição dos motivos que levaram a pandemia atingir esse patamar.

Senão vejamos , quando o vírus foi detectado na China, de pronto,  a comunidade cientifica mundial  atestou  que seria um  enorme perigo global devido a capacidade e facilidade de transmissão do vírus desconhecido em sua nova versão.

  Podemos afirmar  que todos os países foram descrentes com relação aos avassaladores efeitos dessa pandemia, a Europa foi assolada pelo vírus massivamente, inúmeros fatores contribuíram para as consequências desastrosas e consequente letalidade,  por ex: população idosa, clima  favorável a propagação do vírus e principalmente, o despreparo dos governos diante da nociva novidade que invadiu os sistemas sociais com agressividade impar.

Nos Estados Unidos o sistema de saúde é praticamente todo privado, uma maquina que gira lubrificada com o dinheiro do povo americano. Os custos de  tratamentos de saúde são exorbitantes , mesmo com a parceria de planos de saúde subsidiados pelo governo com cobertura extra a idosos,  não existe nenhuma estrutura de saúde que  que se compare ao SUS do Brasil .

Os USA tiveram tempo mais que suficiente para preparar-se para a pandemia, todavia muito pouco foi feito e as consequências são nefastas.

Exatamente nesse ponto, podemos comparar o Brasil e os USA, esbarramos na incompetência dos governos de direita, onde a área técnica foi tomada por burocratas políticos envolvidos em diversos assuntos menos o crucial nessa época que é a saúde do ponto de vista cientifico e  humano, bem como a atuação cruel do mercado financeiro sedento de lucro e temendo quebras, baixas e prejuízos.

O covid19 matou e vai continuar matando milhares de pessoas, o  mesmo mantra se ouve pelo mundo todo apregoando que:   ” a única solução para que a pandemia não alcance níveis desastrosos, é manter o isolamento social e quarentena obrigatórios, liberando  se apenas serviços essenciais mesmo assim com o devido  critério.”

A coisa é simples demais, porem nossos governantes não se ocuparam em levar a serio a comunidade medica, preferindo julgar por eles próprios a gravidade da situação, e adivinhem o que aconteceu?? Isso mesmo, perderam o controle da situação, o crucial  ponto levantado e defendido pelos profissionais da saúde ,era que seria mister  diminuir a curva de crescimento das contaminações para que o sistema de saúde desse conta da demanda, sem super lotação dos hospitais etc,  Essa doença em seus casos mais graves, requer equipamento de UTI e se  muitos fossem contaminados ao mesmo tempo não haveria como socorrer e consequentemente tratar os doentes por falta de estrutura hospitalar.

Foi dito mas não foi feito , a contaminação atingiu índices alarmantes mesmo com algum isolamento social sendo adotado, as mazelas do sistema privado foram logo trazidas a tona, sem exames gratuitos, o teste oficial do Covid 19 custa mais de U$1000.00 dólares, portanto poucos foram testados.

 Aconselhou se uso de  equipamentos de proteção individuais como mascaras, luvas , soluções de álcool ,higiene redobrada etc . Do  dia para a noite esses itens sumiram das prateleiras e reapareceram em poucas quantidades com preços superfaturados.

A sociedade americana correu aos mercados para estocar comida e gêneros de uso diário, principalmente, pasmem vocês “papel higiênico”.  Supridos e gigantescamente estocados  desses itens foram finalmente quarentenados.

 Quem exerce atividade remunerada que possa ser exercida a partir da própria casa, continua trabalhando , mas a grande maioria esta sem trabalhar , o caos social se aproxima, o Governo Federal esta auxiliando trabalhadores com  insuficientes cheques emergenciais , mas a corrida aos programas de auxilio desemprego americano batem todos os recordes mais de 45 milhões de trabalhadores já aplicaram para esse auxilio emergencial.

Concluindo, a vida tem muito menos valor do que o dinheiro nesse capitalismo cruel, vão se as vidas ficam os mercados financeiros , bolsas de valores .

Trump é um ser asqueroso que necessita estar sempre antagonizando alguma situação,  e advoga para o relaxamento da quarentena  afinal é ano de eleição presidencial.

Semelhança com o  Brasil, não terá sido mera coincidência.

“O futuro dependerá daquilo que fizermos no presente” (Mahatma Gandhi)                             Ikselam2020


*Jose Otávio Mello Maleski,  casado, uma filha , orgulhoso paranaense de Cornélio Procópio norte do Paraná, legitimo “pé vermelho”.  Formado em Direito pela Universidade Estadual de Londrina, ex-funcionário do extinto  BANESTADO , ex Diretor do Sindicato dos Bancários de Londrina e região ,socialista por convicção politico ideológica  e não partidária.

                                    Eclético em religião, com profundo respeito  a “DEUS” seja qual for a forma ou credo em que se  acredite e se apresente, apesar das   peripécias desonestas de boa parte dos  lideres religiosos .  Sambista, ritmista de Escola de Samba, residindo   desde 2006 em Boca Raton -Florida – Estados Unidos , corintiano de coração,  tenho  dupla cidadania  brasileiro por nascimento , e americano por adoção, amando e respeitando  minha Pátria natal ,bem como a América que simpaticamente me acolheu.

                             A partir de agora com a devida ” vênia” estarei  me aventurando no seleto  mundo dos jornalistas e escritores mostrando um pouco do ” jeito americano de ser e viver” sob o prisma de um brasileiro.  Saliento que não quero instigar debates ou discussões  acerca dos temas abordados, bem como não sou o senhor da verdade  e os artigos irão mostrar minha  visão pessoal e  experiências aqui vividas e testemunhadas.  Meu único e estrito compromisso eh com a verdade e  honestidade dos conteúdos aqui abordados . Faremos de forma descontraída e  divertida, repassando  informações em geral  , curiosidades , peculiaridades, e por que não , aberrações  da terra do Tio Sam.  

                               Agradeço o convite do amigo ZAPAROLLI ( maiúsculo pelo trabalho realizado) e espero somar experiências positivas ao grupo de colunistas do portalmariliense.com.

” A mente que se abre a uma nova ideia jamais voltara a seu tamanho original”

                   – Albert Einstein.


Compartilhe

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*