“O fim da era Trump?”, por José Maleski

José Maleski*

A eleição presidencial americana tem peculiaridades e e bastante complexa, não ha obrigatoriedade de voto,  os votos são considerados em zonas eleitorais levando se em conta a população dos estados e a representatividade.

Hillary Clinton teve mais votos na totalização individual do que Trump, porém menos representantes, portanto Trump foi considerado vencedor. ( Resumo didático do sistema).

Trump  é um milionario que pertence ao  partido republicano, pode se dizer que seria a direita americana, conservadora, tradicionalista e dominada nos  bastidores por empresarios muito poderosos de diversos setores da economia .

Colunista José Maleski

A eleição teve caracteristicas de protesto, pois a elite republicana  americana não ” engoliu” a eleição de Obama , um democrata, negro ou como dizem os puristas afro americano, que trouxe a tona e implantou uma diversidade de propostas e programas de governo , sem sombra de duvida  o que trouxe  mais polemica foi o OBAMACARE,  que e um auxilio do governo federal para a população de baixa renda poder ter acesso a planos de saude subsidiados pelo governo federal. O Obamacare  foi aprovado e instalado depois de muita negociação e luta politica  nos bastidores e obviamente com reprovação total da ala Republicana . Obama desfilou na Presidencia com elegancia, simpatia, e popularidade altissima, sua familia sempre esteve a seu lado, sem escândalos pessoais, sempre ostentando humildade e simplicidade cativantes.

Trump é  desagradável, mentiroso compulsivo , grosseiro, cruel, sua vida privada e recheada de escândalos diversos e situações mal resolvidas, inclusive pairam sobre sua fortuna pessoal sombrias desconfianças de maracutaias fiscais e financeiras.

A crise politica atual e sem precedentes, o pais esta em recessão mascarada, o dólar americano perdendo valor e poder de compra externa e internamente, desemprego crescendo e o endividamento do americano atinge indices alarmantes.

O Partido Republicano que elegeu , vive um cenario confuso, bizarro, pois admitem o total despreparo do seu presidente, mas publicamente ainda trabalham para mantê-lo na Presidência apesar de tudo e de todos. A midia americana acompanha de perto todo esse julgamento politico.

Trump esta sofrendo um processo de impeachment ja votado e aprovado na camara de deputados americanos, faltando agora aprovação no Senado , cuja maioria e republicana o que dificulta o processo. E usual na politica de direita usar subterfugios para desviar a atenção dos processos politicos, o mais recente foi o assassinato de um General Iraniano com o pretexto que ele estaria planejando ataques a americanos, esse ato gerou um perigo eminente de guerra, ja que o IRA garantiu retaliação a altura.

Essa instabilidade gera stress politico e social, a população tem plena consciência de que se trata de uma jogada para desviar o foco das investigações do processo politico, afinal pesam nessa balança o petroleo do Oriente Medio, a possibilidade de paises como o IRA ja possuirem capacidade de utilizarem energia nuclear como arma de guerra, sem contar os fatores religiosos que ja causaram tantas guerras.

Um fato e incontestavel , existe um dilema politico onde os republicanos ja nao se sentem seguros em proteger Trump numa reeleição somente para  honrar o partido republicano, afinal a cada dia aflora uma peripecia do atrapalhado  presidente americano, que a cada vez que faz um pronunciamento causa indignação e revolta no povo americano.

Nomes sao levantados, campanhas de midia tentam buscar alternativas politicas, ainda sem uma direção ou definição. Surge um nome muito forte, o de Bernie Sanders com claras  tendencias socialistas e projetos politicos importantes e vistos com respeito e admiração, ele desponta do cenário pela coerência das posições e ideias. Chegou a hora da sociedade americana apostar numa mudanca de cenario político, afinal e publico e notorio que os USA nao merecem Trump.

PS : Alguém vê semelhança com a politica brasileira ??? Perguntar nao ofende!

“Não há nada de errado com aqueles que não gostam de politica, simplesmente serão governados por aqueles que gostam ”  (PLATAO)                                                                                                        Ikselam2020

**artigo escrito em 24/01/2019


Conheça José Maleski

Palavras de apresentação publicadas em maio de 2018

*Jose Otávio Mello Maleski,  casado, uma filha , orgulhoso paranaense de Cornélio Procópio norte do Paraná, legitimo “pé vermelho”.  Formado em Direito pela Universidade Estadual de Londrina, ex-funcionário do extinto  BANESTADO , ex Diretor do Sindicato dos Bancários de Londrina e região ,socialista por convicção politico ideológica  e não partidária.

                                    Eclético em religião, com profundo respeito  a “DEUS” seja qual for a forma ou credo em que se  acredite e se apresente, apesar das   peripécias desonestas de boa parte dos  lideres religiosos .  Sambista, ritmista de Escola de Samba, residindo   desde 2006 em Boca Raton -Florida – Estados Unidos , corintiano de coração,  tenho  dupla cidadania  brasileiro por nascimento , e americano por adoção, amando e respeitando  minha Pátria natal ,bem como a América que simpaticamente me acolheu.

                             A partir de agora com a devida ” vênia” estarei  me aventurando no seleto  mundo dos jornalistas e escritores mostrando um pouco do ” jeito americano de ser e viver” sob o prisma de um brasileiro.  Saliento que não quero instigar debates ou discussões  acerca dos temas abordados, bem como não sou o senhor da verdade  e os artigos irão mostrar minha  visão pessoal e  experiências aqui vividas e testemunhadas.  Meu único e estrito compromisso eh com a verdade e  honestidade dos conteúdos aqui abordados . Faremos de forma descontraída e  divertida, repassando  informações em geral  , curiosidades , peculiaridades, e por que não , aberrações  da terra do Tio Sam.  

                               Agradeço o convite do amigo ZAPAROLLI ( maiúsculo pelo trabalho realizado) e espero somar experiências positivas ao grupo de colunistas do portalmariliense.com.

” A mente que se abre a uma nova ideia jamais voltara a seu tamanho original”

                   – Albert Einstein.

Compartilhe
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter
Instagram

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*