Primeira morte suspeita de coronavírus em Marília. Mas, saúde descarta até resultado final.

A prefeitura de Marília emitiu nota oficial de que um paciente veio a óbito na cidade depois de ser atendido na UPA Norte com quadro respiratório agudo. Os sintomas do óbito guardam relação com a doença do coronavírus, porém, oficialmente, o sistema de saúde da cidade vai aguardar o laudo definitivo para poder dizer do que faleceu a pessoa. Veja a nota oficial.

foto ilustração© internet

NOTA: Morte Suspeita para SRAG sendo investigada

O prefeito Daniel Alonso, através da Vigilância Epidemiológica, informa que um paciente do sexo masculino de 49 anos, portador de comorbidades (acamado por AVC), morador da Zona Norte de Marília deu entrada na unidade da UPA Norte na noite de ontem (21) apresentando febre, dispneia (dificuldade para respirar), desconforto respiratório, saturação menor que 95%, desidratado e descorado, sem histórico de vacina de H1N1 nos últimos 12 meses, evoluiu para uma parada cardiorrespiratória vindo a óbito na manhã desse domingo (22).

Ressaltamos que foram colhidas amostras laboratoriais (de acordo com a Portaria 454 do dia 20 de março de 2020) do Ministério da Saúde, abrindo investigação para SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) e COVID-19.

Lembrando que o paciente não viajou para o exterior e não teve contato com suspeitos de Coronavírus.

A MORTE DESSE PACIENTE NÃO ENTRARÁ NAS ESTATÍSTICAS COMO “ÓBITO” DE CORONAVÍRUS E SIM COMO “SUSPEITO”, VISTO QUE NÃO HÁ CONFIRMAÇÃO DE POSITIVO OU NEGATIVO PARA A REFERIDA DOENÇA.

Diretoria de Divulgação e Comunicação

Prefeitura de Marília

https://www.marilia.sp.gov.br/portal/noticias/0/3/8221/nota-morte-suspeita-para-srag-sendo-investigada

Compartilhe
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter
Instagram

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*