Últimas

ROTARY: Criado o segundo clube satélite no centro-oeste paulista

Compartilhe

ROTARY INTERNATIONAL

Criado o segundo clube satélite no centro-oeste paulista

O Distrito 4510 do Rotary International passa a contar com mais um clube satélite na região centro-oeste do interior do Estado de São Paulo. O Rotary Club de Marília de Dirceu organizou um grupo de rotarianos na cidade vizinha de Gália, que passa a retomar as atividades rotárias com base neste programa do Rotary International. Inicialmente serão oito cidadãos de Gália que passam a desenvolver a organização mundial, sob a orientação do clube rotário mariliense. “A cidade de Gália já contou no passado com um clube do Rotary devidamente constituído e agora tem a chance de contar novamente, graças a iniciativa dos rotarianos de Marília”, festejou o Governador do Distrito 4510 do Rotary International, o policial militar, Marcos Antônio Carchedi, associado ao Rotary Club de Marília-Tradição. “Será uma excelente oportunidade para o município de Gália contar com os programas e produtos rotários, com este clube satélite”, ressaltou o dirigente rotário regional.

O Rotary Club de Marília de Dirceu, fundado em 1981, há tempos vinha articulando a possibilidade de criar um clube satélite naquela cidade, diante do relacionamento entre alguns associados do clube com pessoas de Gália. “Infelizmente a pandemia prejudicou um pouco e atrasou nossos planos”, disse o presidente do clube rotário mariliense, o corretor de imóveis, Hederaldo Joel Benetti, que passará dos 22 associados atuais do clube, para 30 associados no final deste mês. “Estamos bastante entusiasmados, pois, se trata de uma atividade nova para todos e isso dará um dinamismo ainda maior em nossas ações”, acredita o dirigente mariliense que já providenciou toda a documentação necessária para a constituição do clube satélite, que será uma espécie de filial da matriz mariliense. “O grupo formado em Gália é bem heterogêneo, com atuação constante na cidade o que aumenta nossa expectativa de bons trabalhos em conjunto”, calcula Hederaldo Joel Benetti ao reunir recentemente os novos integrantes com os demais associados de Marília. “Foi muito bom, pois, deu para perceber que todos estão animados”, disse.

Com o desenvolvimento do “Clube Satélite” na cidade de Gália o quadro associativo do Rotary Club de Marília de Dirceu, até então, totalmente formado por homens, passa a receber três mulheres de Gália, tornando o clube misto, o que era desejo há tempos dos rotarianos de Marília. “Não só aumentou o número de associados do clube, como baixou a faixa etária e ainda passamos a contar com homens e mulheres nas atividades rotárias”, festejou Hederaldo Joel Benetti que deixará o cargo de presidente no final deste mês, sendo substituído pelo administrador Rui de Queiroz Padilha. “O pessoal de Gália está tão empolgado que devemos admitir mais pessoas daquela cidade na próxima gestão”, acredita o presidente do clube rotário mariliense.

Este será o segundo clube satélite no Distrito 4510 do Rotary International. O primeiro a ser criado, no ano passado, foi através do Rotary Club de Presidente Prudente-Sul, hoje constituído por 16 associados. “Tínhamos um planejamento de estimular cinco clubes satélites na região, mas a pandemia desanimou o pessoal interessado”, recordou Márcio Cavalca Medeiros, coordenador distrital do Desenvolvimento do Rotary. “Estamos reformulando o planejamento para a próxima gestão, que deve contar com pelo menos mais um”, acredita o dirigente rotário distrital que vem mantendo contato com alguns clubes do centro-oeste paulista interessados.

LEGENDA – Hederaldo Joel Benetti e Marcos Antônio Carchedi alinham atividades com o segundo clube satélite na região


Compartilhe

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*