Secretário de Estado, Vinícius Camarinha participa da abertura do Salão do Automóvel 2018

 

 

 

 

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Vinicius Camarinha, participou nesta quarta-feira (08/11) da abertura da 30ª edição do Salão Automóvel de São Paulo, principal evento do segmento na América Latina e um dos maiores salões do mundo. Até o dia 18 de novembro, estarão em exposição no São Paulo Expo 30 marcas de veículos que apresentarão mais de 500 carros e mostrarão em primeira mão as novidades que devem chegar ao mercado nos próximos anos.
Durante a abertura, Camarinha participou de reuniões com o presidente da Toyota no Brasil, Rafael Chang, e com o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (ANFAVEA), Antonio Megale. Um dos assuntos em pauta foi o programa Pró-veículo, do governo do Estado, que possibilita às montadoras instaladas em São Paulo a utilização de crédito acumulado de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para modernização de suas plantas, construção de fábricas e desenvolvimento de novos produtos. Uma forma de expandir o setor.
O Pró-Veículo pode ser utilizado por fabricantes de máquinas, equipamentos e veículos automotores, detentores de crédito acumulado apropriado de valor igual ou superior a R$ 5 milhões, cujo investimento seja igual ou superior a R$ 30 milhões. A iniciativa permite ainda a concessão, caso a empresa não possua crédito acumulado ou saldo credor de ICMS, mediante regime especial, de suspensão ou diferimento do imposto devido na importação ou na aquisição interna de máquinas e equipamentos destinados ao ativo imobilizado, de forma a desonerar os investimentos em bens de capital. Entre 2015 e 2017 o programa liberou R$ 1,5 bilhão. Este ano, R$ 167,7 milhões foram liberados.
“Há boas perspectivas de ampliação das empresas do setor gerando novos empregos e contratações. Tivemos reuniões importantes e o setor tem confiança no estado de São Paulo pela seriedade, pela firmeza na condução de políticas públicas. A ideia é incentivarmos a ampliação e novas instalações deste segmento no estado, bem como dos fornecedores da cadeia automotiva. Vamos nos esforçar para que eles venham do exterior para São Paulo e fiquem aqui gerando oportunidades pro estado”, destacou o secretário.

©Fotos: Ruy Jobim Neto/SDECTI

©jornalista Ana Cláudia Caetano

 

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*