Site Marilia Noticia é destaque na mídia regional

MN comemora liderança e anuncia parceria com Estadão

gabriel teddeO jornalista Gabriel Tedde é fundador e editor do site Marilia Noticia.
(foto internet)

DSC07445a-980x735

O site registrou quase 13 milhões de visualizações de páginas em um ano.

Com pouco mais de dois anos e meio de vida, o Marília Notícia alcançou mais uma importante marca esta semana: ultrapassamos 70 mil seguidores em nossa fanpage no Facebook.

O resultado foi muito comemorado por Gabriel Tedde, fundador e atual diretor do veículo de comunicação: “É mais uma prova da liderança e credibilidade que temos em Marília e toda região. Me orgulho de ter alcançado tal marca sendo independente, fazendo um jornalismo sério, responsável e crítico ao mesmo tempo. O nosso trabalho visa simplesmente uma Marília melhor e acredito que temos contribuído para isso”.

Além da marca na rede social, o MN também teve um resultado impressionante nos números de audiência em 2016.

Líder absoluto na divulgação de notícias online em um raio de 100 quilômetros, o site registrou quase 13 milhões de visualizações de páginas em um ano.

Os números também são extremamente atraentes para os anunciantes, que ficam em total evidência com os espaços cedidos no site. “As empresas que apoiam o Marília Notícia sempre renovam os contratos, sinal de que os resultados das parcerias são ótimos”, diz Gabriel Tedde. “Sem nossos parceiros comerciais o jornalismo independente não seria possível, agradeço imensamente a todos eles a confiança depositada”, agradeceu.

Parceria com jornal O Estado de S.Paulo

Visando ampliar seu conteúdo, o MN passa em 2017 a reproduzir conteúdo fornecido pelo Estadão, jornal publicado desde 1875 e referência no Brasil.

O conteúdo amplo e abrangente, será produzido por uma equipe especializada que envolve mais de 500 profissionais, 24 horas por dia, 7 dias por semana, com cobertura dos fatos nacionais e internacionais nas áreas de economia, política, geral, internacional, esportes e variedades.

A parceria só foi possível depois de uma análise criteriosa da equipe do tradicional jornal, que habilitou e credenciou o MN como fonte de credibilidade e referência na região.

Compartilhe
RSS
Follow by Email
Facebook
Twitter
Instagram

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*