Unimar: em pauta, Seminário “Desafios da Sustentabilidade”e Memória Institucional

SEEDS é sucesso

Seminário “Desafios da Sustentabilidade” realizado pela Pós-Graduação recebeu importantes nomes da área

O Seminário Empreendimentos Econômicos, Desenvolvimento e Sociedade “Desafios da Sustentabilidade” (SEEDS) realizado pelo Programa de Pós-graduação em Direito da Universidade de Marília (Unimar) foi um sucesso. O encontro reuniu acadêmicos, mestrandos, doutorandos e uma série de profissionais de destaque em grupos de trabalhos e mesas de discussões.

As programações foram iniciadas na tarde da sexta-feira com coffee break na Reitoria da Universidade. Posteriormente os participantes vindos de diversas partes do Brasil como São Paulo, Paraná, Fortaleza e Rio de Janeiro que inscreveram trabalhos ou eram ouvintes, partiram para os grupos de trabalhos divididos nas salas do Bloco 2. No fim da tarde houve homenagem ao professor doutor h.c. mult. Peter Häberle.

A abertura oficial foi realizada às 19h e na sequência aconteceu a mesa de debate sobre o Direito Ambiental com a Pró-Reitora de Pesquisa da Escola Superior Dom Helder Câmara falando sobre “Mariana – Tragédia socioambiental e econômica”, seguida pela coordenadora do Mestrado em Direitos Humanos da UFMS, Dra. Livia Gaigher Bósio Campello tratando os Desafios aos direitos humanos dos povos tradicionais em face aos empreendimentos econômicos.

Fechando a mesa, falou ainda a professora associada da UFMS, Dra. Normal Sueli Padilha sobre o compromisso constitucional com a sustentabilidade ambiental: os 30 anos da Constituição Verde. A noite foi encerrada com a participação especial da coordenadora do mestrado em Direito Ambiental da Universitat Rovira i Virgili (Espanha), Dra. Susana Borràs Pentinat, ministrando a Economia Circular: ¿hacia uma revolución global?

De acordo com a Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da Unimar, Fernanda Mesquita Serva, o seminário foi especial principalmente por contar com a professora Susana, uma referência na área. “Firmamos convênio com essa universidade da Espanha para o intercâmbio de nossos alunos e professores e o seminário é mais um evento que destaca o trabalho desenvolvido na nossa pós-graduação”, explica.

Para o docente Valter Moura do Carmo, organizador do seminário, o evento tem grande importância no meio jurídico. “Recebemos alunos e profissionais de diferentes partes do país e o apoio institucional do Compedi (Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Direito), OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e outras universidades do Brasil”, finaliza.

https://flic.kr/p/284Y9hy

Memória Institucional

Centro de Documentação da Unimar e Ciência da Informação da Unesp discutem a importância dos arquivos

O Centro de Documentação (CDU) da Universidade de Marília (Unimar) e o Departamento de Ciência da Informação da Universidade Estadual Paulista (Unesp FFC Marília) realizaram na última quinta-feira a mesa redonda “Arquivo e Memória Institucional”. O encontro fez parte das programações da II Semana Nacional de Arquivos promovida pelo Arquivo Nacional e Fundação Casa Rui de Barbosa.

De acordo com a coordenadora do CDU, Danila Alencar o evento proporciona visibilidade e conscientização quanto a importância da memória institucional. “A contribuição dos palestrantes neste encontro acrescenta muito para que, com diálogo, busquemos valorizar esse setor no Brasil. O arquivo atua com informações de interesse de todos e nosso debate desperta a consciência da importância que os documentos e as informações possuem”, explica.

Participando da abertura do encontro, a Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da Unimar, Fernanda Mesquita Serva valorizou a iniciativa. “Temos uma parceria muito forte com a Unesp e esse encontro foi muito bem estruturado. É preciso que as instituições de ensino e os profissionais formados por elas tenham a consciência de preservar documentos, informações e valorizar a sua própria história”, acrescenta.

Entre os profissionais debatedores do encontro, estavam as docentes do curso de Arquivologia da Unesp, Leandra Bizello e Marcia Pazin. O tema de discussão da mesa foi “Memória Institucional”. Cerca de 100 pessoas, entre elas colaboradores de diversos setores de ambas Universidades, participaram do evento.

“As organizações valorizam pouco os arquivos e a própria memória de suas instituições. Esses documentos representam não somente a história, mas também tudo que foi produzido durante os anos”, finaliza a professora Marcia Pazin.

https://flic.kr/p/284Y9fj

Comente

Seu email não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*